Logo BCM.
Banner – Anuncie Aqui- 970×250 | CENSURA ZERO  

Sem Neymar, Seleção encara Suíça por classificação antecipada às oitavas da Copa

Sem o camisa 10, Paquetá será adiantado para a criação, enquanto Fred jogará ao lado de Casemiro

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Com as ausências de Danilo e Neymar, com entorses no tornozelo, a Seleção Brasileira volta a entrar em campo nesta segunda-feira (28), pelo Grupo G da Copa do Mundo. Às 13h, o Brasil encara a Suíça, no Estádio 974, com a possibilidade de carimbar a vaga para as oitavas do Mundial de forma antecipada.

Com três pontos, o time de Tite tem a mesma pontuação dos suíços, mas lidera o grupo por levar vantagem no saldo de gols. Mais cedo, no outro duelo da chave, Camarões e Sérvia se enfrentam às 07h, no Al Janoub Stadium, no encontro dos derrotados na primeira rodada.

Esta não será a primeira vez que a Seleção atuará em uma Copa do Mundo sem seu principal jogador. Em 2014, no fatídico 7×1 para a Alemanha, Neymar também não pôde estar em campo devido a uma grave lesão na coluna.

Em coletiva concedida no domingo, o técnico Tite despistou sobre os substitutos dos titulares lesionados. Porém, a tendência é que Fred seja acionado ao lado de Casemiro na cabeça de área. Assim, caberá a Lucas Paquetá fazer a função do camisa 10. Na estreia, o meia atuou mais recuado. Já na defesa, Militão larga na frente de Daniel Alves para assumir a lateral direita. A comissão técnica entende que com o zagueiro do Real Madrid, a estrutura defensiva fica mais próxima da com Danilo.

Mesmo com as modificações, o treinador reforçou que a Seleção não mudará a forma de atuar diante dos suíços. “O futebol é um contexto, e às vezes é estratégico em função do adversário. Então são ajustes que você tem, e que eles possam ser executados de uma forma ou de outra. A equipe já tem um histórico dela. Não estou falando nenhuma novidade. Ela tem uma forma de jogar e ela não vai mudar em momentos de pressão”, pontuou.

 

Diferente de outras oportunidades, a Seleção aparenta estar pronta para atuar sem seu camisa 10. Ao menos é o que garante o zagueiro Marquinhos, que lamentou as ausências dos companheiros. No entanto, ressaltou a força coletiva do grupo dirigido por Tite.

 

“É inevitável a gente querer o Neymar, o Danilo, mas a gente já vem demostrando antes e estamos prontos e confiantes para mostrar novamente que o grupo é forte, bem treinado e está pronto para qualquer divergência que possa ter na Copa do Mundo”, apontou.

Outras preocupações

Além de Neymar e Danilo, outros atletas têm preocupado o departamento médico do Brasil. Alguns jogadores estão com sintomas de virose e vêm sendo monitorados ao longo dos dias. Entre eles, Alisson e Lucas Paquetá do time titular, além de Antony, reserva. O trio treinou no último domingo no estádio Grand Hamad e, até então, não deve ser ausência.

Ficha técnica

Brasil
Alisson; Militão, Thiago Silva, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Paquetá; Raphinha, Vini Jr e Richarlison. Técnico: Tite.

Suíça
Sommer; Widmer, Akanji, Elvedi e Ricardo Rodríguez; Freuler, Xhaka, Shaqiri, Sow e Rubén Vargas; Embolo. Técnico: Murat Yakin.

Local: Estádio 974 (Doha, Catar)
Horário: 13h (de Brasília)
Árbitro: Ivan Barton (ESA)
Assistentes: David Moran (ESA) e Zachari Zeegelaar (SUR)
VAR: Drew Fischer (CAN)
Transmissão: Globo, SporTV, Fifa+ e Casimiro (Twitch e YouTube)

Já tem tabela para acompanhar a Copa? Imprima a sua

Leave a Comment