Logo BCM.
Banner – Anuncie Aqui- 970×250 | CENSURA ZERO  

Raquel Lyra corre atrás do prejuízo e telefona para deputados em busca de votos

Em pleno feriado do Dia do Trabalhador, a governadora Raquel Lyra (PSDB) se encarregou de telefonar para os integrantes da Comissão de Constituição, Legislação e Justiça que até ontem não haviam analisado as emendas apresentadas pela oposição ao Projeto de Lei nº 556/2023. O PL, que tramita na Casa em caráter de urgência, solicita autorização do Legislativo para pedido de empréstimos a instituições financeiras, no valor de R$ 3,4 bilhões. O Executivo quer conversar com esses parlamentares antes da reunião da CCLJ, marcada às 9h30 de hoje. Sem o voto deles, o Governo será derrotado mais uma vez.

“É importante que a comissão analise hoje a legalidade das emendas. Não cabe avaliar o mérito”, argumentou o deputado Sileno Guedes (PSB), lamentando o que chamou de “assédio do Governo ao Legislativo”. “Toda vez é isso. O Governo deixa para resolver as coisas em cima da hora, com conversas em Palácio. É um desrespeito, independentemente de o parlamentar ser da base ou da oposição”, alfinetou.

A governadora precisa encaminhar as pautas do Legislativo e dar poderes, pelo menos, ao secretário da Casa Civil, Túlio Valença, nome escolhido para mediar a relação com a Casa de Joaquim Nabuco. Mas deputados e deputadas, com algumas exceções, continuam reclamando. Também não pode fazer de conta que as queixas não existem. Em três entrevistas das quais a Folha participou, só no mês passado, Raquel Lyra disse desconhecer as insatisfações. Mas elas se materializam na hora de analisar matérias importantes.

E aí, os governistas precisam se desdobrar na tentativa de aparar as arestas. É o que vêm fazendo o vice-líder do governo, Joãozinho Tenório; o presidente da Alepe, Álvaro Porto (PSDB); e o presidente da CCLJ, Antônio Moraes (PP), que, mesmo gripado, passou o feriadão telefonando para um e outro, e até a noite de ontem não sabia se haveria condições de colocar o projeto em pauta hoje. Moraes foi um dos que apelaram ao secretário de Planejamento e Gestão, Fabrício Marques, na última reunião da CCLJ, dia 25, para que o Governo olhasse com carinho as emendas legislativas. A Casa também gosta de mimos e afagos. E cobra autonomia e respeito.

A estrela do PSB no 1º de Maio

O prefeito do Recife, João Campos, estreou nas inserções que o PSB de Pernambuco começou a divulgar ontem na televisão. Vice-presidente nacional do partido, ele destaca no primeiro vídeo que, no Nordeste, o Recife é a capital com mais novos empregos e a mais ágil para a abertura de empresas no país. “Os desafios ainda são muitos, mas a gente segue trabalhando para que, cada vez mais, mais pessoas possam celebrar o 1º de Maio”, pontua.

ITINERANTE  A Comissão de Desenvolvimento Econômico da Alepe, presidida pelo deputado Mário Ricardo (Republicanos), começa a circular pelo Estado. Amanhã e quinta estará no Polo de Confecções, no Agreste, para ouvir dificuldades e sugestões do setor. O Polo Gesseiro será o próximo ponto.

ELEIÇÕES Especialista em marketing digital, o professor pernambucano Paulo Moura lança no dia 8 o livro “Inteligência Política e Estratégias nas Campanhas Eleitorais” (Editora Vozes). Às 18h30, no auditório do Empresarial JCPM, no Pina, Zona Sul do Recife.

Leave a Comment