Logo BCM.
Banner – Anuncie Aqui- 970×250 | CENSURA ZERO  

Pernambuco autoriza vacinação contra gripe a partir de segunda-feira; veja grupos que podem tomar doses

Profissionais de saúde preparam seringa para aplicação de vacina, no Recife, em foto de arquivo — Foto: Ikamahã/Divulgação

Cerca de 3,5 milhões de pessoas poderão tomar as doses de vacina contra a gripe, a partir de segunda-feira (10), em Pernambuco. O início da campanha nacional de imunização foi autorizado, nesta quinta-feira (06), pelo governo.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), as prefeituras devem definir locais e orientar a população sobre a vacinação. No Recife, a campanha começa na segunda e pretende contemplar 659.690 pessoas.

A campanha nacional pretende vacinar contra a gripe integrantes de grupos prioritários. São eles:

  • Idosos com 60 anos e mais (1.294.351 pessoas)
  • Trabalhadores da Saúde (259.370 pessoas)
  • Crianças (6 de meses a menos de 6 anos) (735.995 pessoas)
  • Gestantes e Puérperas (110.131 pessoas)
  • Povos Indígenas (52.550 pessoas)
  • Professores (102.657 pessoas)
  • Pessoas com comorbidades (359.168 pessoas)
  • Pessoas com deficiência permanente (496.029 pessoas)
  • Caminhoneiros (32.187 pessoas)
  • Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário urbano e de longo curso (14.481 pessoas)
  • Trabalhadores portuários (4.589 pessoas)
  • Forças de segurança e salvamento (25.222 pessoas)
  • Forças armadas (12.562 pessoas)
  • Funcionários do sistema de privação de liberdade (4.436 pessoas)
  • População privada de liberdade e Adolescentes em medidas socioeducativas (34.467 pessoas)

Ainda segundo o governo, a campanha contra a gripe vai até o dia 31 de maio. Pernambuco recebeu do Ministério da Saúde (MS), 552 mil doses para iniciar a vacinação do público-alvo.

De acordo com o cronograma divulgado pela União, novas remessas serão encaminhadas ao estado nas próximas semanas.

Este ano, todos os grupos elegíveis podem se vacinar de maneira simultânea. Não haverá mais a realização da vacinação por etapas.

Estatísticas

Este ano, Pernambuco investiga cinco mortes que podem ter relação com a gripe. Também notificou 271 amostras com resultado detectável para gripe.

Desse total, foram 90 do tipo A; 88 do subtipo H1N1; 1 para H3N2; 1 não subtipada, além de 181 amostras detectáveis para influenza B.

No ano passado, Pernambuco não bateu a meta de vacinar 90% da população-geral contemplada na mobilização. Registrou a imunização de 67,06% do público, totalizando 2.306.771 doses aplicadas.

Leave a Comment