Logo BCM.
Banner – Anuncie Aqui- 970×250 | CENSURA ZERO  

Messi: “Quero continuar vivendo mais alguns jogos sendo campeão do mundo”

Camisa 10 da Argentina foi eleito o melhor jogador da competição

Lionel Messi comemora o tricampeonato da Argentina – Foto: Kirill Kudryavtsev/AFP

O craque Lionel Messi, de 35 anos, afirmou que ainda quer fazer alguns jogos com a seleção argentina, após conquistar a Copa do Mundo neste domingo (18), com a vitória nos pênaltis sobre a França na final.

“O que vai acontecer depois disso?, se perguntou Messi em declarações à televisão argentina na zona mista. “Óbvio que queria encerrar minha carreira com isso, já não posso pedir mais nada”, afirmou.

Messi ressaltou sua luta ao longo da carreira e que a Copa “me foi dada quase no final”, em seu quinto Mundial.

“Mas por outro lado, eu adoro o futebol, adoro o que faço e desfruto estar na seleção, estar com este grupo. E obviamente quero continuar vivendo mais alguns jogos sendo campeão do mundo”, respondeu o astro do Paris Saint-Germain.

Com um sorriso no rosto e o troféu nas mãos, Messi se mostrou mais do que satisfeito. “Acho que esta (a Copa) todos querem. É a mais desejada por qualquer jogador. É o sonho de criança de qualquer um”, disse.

“É uma loucura que tenha acontecido no momento que aconteceu, mas é impressionante. É impressionante que possa terminar desta maneira. Eu sabia, disse isso em algum momento, que Deus ia me presentear e não sei por quê pressentia que ia ser esta. Mais uma vez, isso me deixou muito feliz”, acrescentou.

Com a vitória no Catar, a Argentina chega ao seu terceiro título de Copa do Mundo, depois de vencer em 1978 com Mario Kempes e em 1986 com Maradona.

“Não posso acreditar”
Depois de se sagrar campeão e comemorar o título no campo com familiares e torcedores, Messi publicou em sua conta no Instagram várias fotos e uma mensagem para seus quase 400 milhões de seguidores.

“Tantas vezes sonhei, desejava tanto, que a ficha ainda não caiu, não posso acreditar”.

“Muito obrigado à minha família, a todos os que me apoiam e também a todos os que acreditaram em nós. Demonstramos mais uma vez que os argentinos, quando lutamos juntos e unidos, somos capazes de conseguir o que nos propusemos”, escreveu o astro argentino.

“O mérito é desse grupo, que está acima das individualidades, é a força de todos lutando pelo mesmo sonho que era também de todos os argentinos… Conseguimos!”, comemorou o camisa 10, destacando o trabalho coletivo.

Leave a Comment