Logo BCM.
Banner – Anuncie Aqui- 970×250 | CENSURA ZERO  

Cuca anuncia saída do Corinthians após 6 dias como técnico

Contratação do ex-técnico pelo Corinthians reavivou o caso ocorrido na Suíça, em 1987; após pressão nas redes e pedido de familiares, Cuca anunciou saída do time após 6 dias e dois jogos

Rodrigo Coca/Ag.Corinthians

Anunciada há uma semana, a contratação de Cuca pelo Corinthians para o lugar de Fernando Lázaro reavivou o escândalo de Berna, na Suíça, que aconteceu em 1987. O técnico era jogador do Grêmio à época e foi condenado pela Justiça do país europeu por manter relação sexual com uma menina de 13 anos em um hotel. Após pressão nas redes e pedido da família, Cuca abandonou o cargo após vitória sobre o Remo na Copa do Brasil na noite desta quarta-feira, 26.

“Não esperava esta avalanche, coisas passadas há muito tempo, fui julgado e punido pela internet, mas não quero entrar em detalhes”, afirmou durante o anúncio após a partida.

O que aconteceu no escândalo de Berna?

Alex Stival, o Cuca, Henrique Arlindo Etges, Eduardo Hamester e Fernando Castoldi, então atletas do Grêmio, foram detidos sob a alegação de terem tido relações sexuais com uma garota de 13 anos sem consentimento. O caso ocorreu no hotel Metrópole, em Berna, na Suíça, em 1987, ano em que o time gaúcho fez uma excursão pela Europa.

Segundo a investigação da polícia local, a garota pediu autógrafos e camisetas para os jogadores, que, então, a levaram para dentro do quarto e abusaram dela. Ela registrou queixa na polícia horas depois sob a alegação de ter sofrido violência sexual.

Leave a Comment