Logo BCM.

Lula e Macron visitam floresta e conversam com indígenas em Belém

Nova Delhi, Índia, 10.09.2023 - Presidente Lula se reúne com o Presidente da República Francesa, Emmanuel Macron, no Bharat Mandapam. Nova Delhi – Índia. Foto: Ricardo Stuckert/PR
© Ricardo Stuckert/PR

Pela primeira vez no Brasil, líder francês terá agenda em 4 cidades

Em sua primeira visita oficial ao Brasil, o presidente da França, Emmanuel Macron, desembarca nesta terça-feira (26) em Belém, onde será recebido pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ambos cumprirão extensa agenda bilateral ao longo dos próximos dias no país, com temas na área de meio ambiente, defesa, reforma dos organismos multilaterais, entre outros.

Macron segue no Brasil até quinta-feira (28) e visitará ainda as cidades de Itaguaí (RJ), São Paulo e Brasília. “Uma visita de três dias para um chefe de Estado não é usual. Isso é um indicativo da importância da relação entre Brasil e França, do intercâmbio e do interesse profundo em diversas áreas”, avaliou a embaixadora Maria Luísa Escorel, secretária de Europa e América do Norte do Ministério das Relações Exteriores, em conversa com jornalistas na última semana.

Na capital paraense, os dois presidentes se encontram por volta das 15h30 desta terça e seguem, em barco da Marinha, para a Ilha do Combu, na margem sul do Rio Guamá, onde acompanharão a produção artesanal e sustentável do cacau em região de floresta. A ideia, segundo o Palácio do Itamaraty, é que Lula possa mostrar ao presidente Macron a complexidade da questão amazônica e as alternativas de desenvolvimento econômico sustentável que existem. Além disso, o presidente brasileiro quer mostrar ao líder francês o fato de a Amazônia não ser apenas uma grande área de floresta, mas um local que abriga imensa população, com cerca de 25 milhões de habitantes, e que depende da própria floresta para a sua sobrevivência. Eles também terão encontro reservado com representantes indígenas. Na ocasião, está prevista a entrega, pelo presidente francês, de uma condecoração ao líder indígena da etnia Kayapó e expoente mundial da causa indígena, Raoni Metuktire.

Submarino

De Belém, ainda hoje, Lula e Macron seguirão para o Rio de Janeiro, onde pernoitam. Na quarta-feira (27), eles partem de helicóptero do Forte de Copacabana para o município de Itaguaí (RJ), onde vão inaugurar o terceiro submarino construído no Complexo Naval da Marinha, a partir de Programa de Submarinos, fruto de um acordo de cooperação entre os governos do Brasil e da França. O programa prevê, ao todo, a construção de cinco submarinos, sendo o último previsto para ser entregue em alguns anos, um equipamento de propulsão nuclear. Além de discutir a continuidade da parceria, Lula e Macron deverão tratar de um programa para produção de helicópteros militares e energia nuclear de uso civil.

Reunião e jantar

Leia mais

”É algum crime dormir na embaixada?”, pergunta Bolsonaro

Bolsonaro passou duas noites na embaixada da Hungria após ter o passaporte apreendido pela Polícia Federal em investigação sobre tentativa de golpe de Estado (Crédito: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil)
Bolsonaro passou duas noites na embaixada da Hungria após ter o passaporte apreendido pela Polícia Federal em investigação sobre tentativa de golpe de Estado (Crédito: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil)

A ida de Bolsonaro à embaixada será investigada pela Polícia Federal (PF). O ministro Alexandre de Moraes deu 48 horas para que ele esclareça o caso

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) questionou, nesta segunda-feira (26/3), se foi crime dormir na embaixada da Hungria, em Brasília. Em fevereiro, Bolsonaro passou duas noites na representação húngara após ter o passaporte apreendido pela Polícia Federal em investigação sobre tentativa de golpe de Estado. Os vídeos da ida do ex-presidente à embaixada foram divulgados pelo jornal norte-americano The New York Times.

“Dormir na embaixada, conversar com embaixador, tem algum crime nisso?”, indaga Bolsonaro em conversa com jornalistas na saída de um evento em São Paulo. “Tenha santa paciência, deixa de perseguir, pessoal, quer perguntar da baleia? Da Marielle Franco? Eu passei seis anos sendo acusado de ter matado a Marielle Franco. Vamos falar dos móveis do Alvorada?”, acrescentou o ex-presidente.

Bolsonaro chegou à embaixada na noite de 12 de fevereiro, uma segunda-feira, e partiu na tarde do dia 14, quarta-feira. Nesses dois dias, as câmeras registraram, entre outras movimentações, a de um funcionário da representação levando para as instalações de hóspedes uma máquina de café em cápsula por orientação do embaixador Miklos Halmai.

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) apareceu na entrada da Embaixada da Hungria no Brasil quatro dias após a Polícia Federal confiscar o seu passaporte (Foto: Reprodução/The New York Times)
O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) apareceu na entrada da Embaixada da Hungria no Brasil quatro dias após a Polícia Federal confiscar o seu passaporte (Foto: Reprodução/The New York Times)

As imagens flagraram, ainda, auxiliares de Bolsonaro entrando e saindo da embaixada com mochilas nas quais, supostamente, havia itens pessoais. O ex-presidente também é visto circulando no pátio interno da embaixada acompanhado de um auxiliar e mexendo no aparelho celular.

Pelas imagens, a impressão que se tem é de que Bolsonaro era esperado. Os funcionários da embaixada se apressam em acomodar o ex-presidente e são vistos levando travesseiros às instalações para hóspedes, que ficam dentro do complexo diplomático, no Setor de Embaixadas Sul.

A ida de Bolsonaro à embaixada será investigada pela Polícia Federal (PF). O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu 48 horas para que ele esclareça as razões pelas quais permaneceu, por dois dias, na representação diplomática.

Ontem, o Ministério das Relações Exteriores (MRE) também convocou o embaixador Miklos Tamás Halmai para que explicasse o encontro, mas ele evitou responder a maior parte das perguntas sobre Bolsonaro. Em nota, os advogados do ex-presidente disseram que a hospedagem de Bolsonaro na embaixada foi para  atualizar “os cenários políticos das duas nações”.

As informações são do Correio Braziliense. 

Homem mata irmão com facadas; briga por R$ 5 teria motivado homicídio

IML do Recife fica em Santo Amaro  (Foto: Arquivo/DP)
IML do Recife fica em Santo Amaro (Foto: Arquivo/DP)

Crime aconteceu em Carpina, na Zona da mata Norte pernambucana, segundo polícia

A Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) procura um homem de 32 anos suspeito de matar o próprio irmão a facadas, na Zona da Mata Norte do Estado.

O caso chamou a atenção pela motivação do crime.

Informações  extraoficiais dão conta de que uma discussão por causa de R$ 5 teria provocado o homicídio.
O crime aconteceu no domingo (24), em Carpina, mas a polícia confirmou a ocorrência nesta segunda (25).
O caso foi registrado como homicídio consumado por uma equipe da Delegacia Seccional de Goiana, na mesma região.
Segundo a corporação, o homem de 36 anos foi morto após discutir com o irmão.
“O suspeito desferiu golpes de faca contra o irmão”, disse a  nota.
 
Como foi 
Ainda segundo informações, a vítima foi identificada extraoficialmente como Adriano Carlos Oliveira da Silva.
Ele realizava um serviço de limpeza de um matagal em um terreno baldio, na Zona Rural de Carpina, na Mata Norte do Estado, distante 57 quilômetros do Recife.

O suspeito, identificado extraoficialmente como José Luiz da Silva, chegou ao local e começou uma discussão com o irmão.

Em seguida, o suspeito sacou uma faca e desferiu golpes contra o irmão da região do tórax e do braço.

Após atacar o irmão, o suspeito fugiu do local sem ser incomodado.

A vítima chegou a ser levada para uma unidade hospitalar daquele município, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Por meio de nota, a polícia disse que “as investigações continuam até que o caso seja esclarecido”.

Após passar por perícia do Instituto de Criminalística (IC), o corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro, na área Central do Recife.

Até a última atualização desta matéria não havia informações sobre a prisão do suspeito.

Por: Wilson Maranhão

Grupo é detido em Tabira suspeito de tentativa de furto

Na  madrugada desta segunda-feira, 25 de março de 2024, por volta das 00h20min, o grupamento Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) foi acionada via Central de Comunicações (CECOM) a qual informou que a empresa INFORSEG sistema de câmeras de segurança teria visto em imagens, 4 homens e 1 mulher tentando furtar objetos de um veiculo estacionado na rua.

Com ajuda da empresa de monitoramento e da Polícia Militar os suspeitos foram localizados em frente ao mercado público, onde um dos suspeito empreendeu fuga tomando destino ignorado, os outros 3 foram reconhecido pela vítima e pela imagem das câmeras que flagraram eles arrombando a fechadura do carro e adentrando nele.

Diante da situação o conselho tutelar foi acionado ,devido haver menor de idade, sendo os imputados e a vítima conduzido para delegacia de polícia local para ser tomada as medidas cabíveis.

PÉ-DE-MEIA: CAIXA inicia pagamentos do programa

Foto: MEC/reprodução

Os pagamentos seguem até o dia 3 de abril, quando o banco faz o último crédito para os nascidos em novembro e dezembro.

A CAIXA inicia nesta terça-feira (26) os pagamentos do programa Pé-de-Meia. Os créditos serão feitos de forma escalonada direto no CAIXA Tem. O primeiro pagamento será o incentivo a matrícula, que iniciará com os estudantes nascidos nos meses de janeiro e feveireiro. Os pagamentos seguem até o dia 3 de abril, quando a CAIXA faz o último crédito para os nascidos em novembro e dezembro.

Tiago Cordeiro, vice presidente em exercício de Governo da CAIXA, fala da importância do programa.

“O Pé-de-Meia vem para combater um sério problema que acham de educação brasileira, que é evasão escolar. O programa é uma iniciativa importante para incentivar a permanência dos estudantes na escola, promover a conclusão do Ensino Médio e a redução das desigualdades sociais entre os jovens. Com esse incentivo financeiro, o estudante vai poder continuar seu caminho na escola, com muito mais tranquilidade. Com isso, poderá se qualificar para ingressar no ensino superior e no mercado de trabalho.”

O estudante que for contemplado pelo programa e não tiver conta, não precisa se preocupar. A CAIXA vai abrir, de maneira automática, uma conta poupança caixa tem para que o estudante possa receber o benefício.
Para saber se foi contemplado, o estudante pode acessar o “app Jornada do Estudante” ou o site do MEC. As informações a respeito do pagamento dos incentivos podem ser consultadas no “app CAIXA Tem”, disponível em todas as lojas de aplicativo, e o portal cidadão, que pode ser acessado pelo endereço cidadao.caixa.gov.br.

“Além de proporcionar a democratização do acesso à educação e à segurança para estudante, a CAIXA reforça assim o seu papel de agente de desenvolvimento econômico social do país”, afirma o vice-presidente da CAIXA, Tiago Cordeiro.

Outras informações sobre os pagamentos do pé-de-meia estão disponíveis em: www.caixa.gov.br/pédemeia

Fonte: Brasil 61

Jovem morre em acidente envolvendo animal solto na pista entre Tabira e Solidão Governo de Pernambuco antecipa para o dia 27 pagamento da folha de março e decreta ponto facultativo na próxima quinta-feira (28)

Foto: Hesíodo Góes/Secom
O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Administração (SAD), anunciou a antecipação do pagamento dos servidores públicos ativos, comissionados, aposentados e pensionistas do mês de março para a próxima quarta-feira (27). Outra decisão do Poder Executivo Estadual é o ponto facultativo que acontecerá na próxima semana. O anúncio foi realizado nesta sexta-feira (22) pela governadora Raquel Lyra.
“Uma das principais metas do nosso governo é valorizar cada vez mais os servidores, por isso anunciamos a antecipação da folha de ativos e inativos e o ponto facultativo na quinta-feira que antecede a Páscoa. Todos saem ganhando quando injetamos mais de R$ 1 bilhão na nossa economia, principalmente os pequenos empreendedores. Vamos seguir em frente, mas sem deixar ninguém para trás”, disse a governadora Raquel Lyra.
Ao antecipar o pagamento, o governo injetará mais de R$ 1,4 bilhão na economia do Estado. Mais de 225 mil servidores entre ativos, aposentados e pensionistas estarão com o salário na conta. A folha de pagamento soma R$ 1,4 bilhão bruto e R$ 1,15 bilhão líquido (considerando o que de fato será disponibilizado para os servidores ativos e inativos).
“O Governo do Estado antecipou o salário do mês de março para que os servidores possam usufruir do feriado com mais tranquilidade e planejamento. É um reconhecimento da atual gestão aos profissionais que se empenham a entregar melhores serviços públicos à sociedade”, avaliou a secretária de Administração, Ana Maraíza.
Na próxima quinta-feira (28), véspera do feriado da Sexta-feira Santa, será ponto facultativo nas repartições públicas e entidades da administração direta e indireta, com exceção daqueles serviços cujo funcionamento seja indispensável, a juízo do chefe do órgão.

Asserpe realizará encontro neste sábado(23) em Afogados da Ingazeira

A primeira reunião setorial ASSERPE já tem data, local e temas. Será dia 23 de março, às 9 horas, no auditório da FASP, a Faculdade do Sertão do Pajeú. Excepcionalmente o encontro acontecerá em um sábado, para favorecer a maior participação de radiodifusores e gestores da região.

Os maiores nomes da comunicação da região,  gestores e demais profissionais de imprensa estão confirmando presença.

O primeiro painel terá como tema Radiodifusão e Legislação Eleitoral, com os advogados Jonas Cassiano e Tassiana Bezerra. Eles falam sobre os prazos e calendário da justiça eleitoral e os cuidados que as emissoras, comunicadores e jornalistas devem ter neste período.

Em um segundo painel, o tema Radiodifusão e Redes Sociais: já dá pra monetizar? Um debate sobre os cases de sucesso e caminhos para que emissoras de rádio possam monetizar e gerar resultados com presença nas redes sociais.

Serviço:
Encontro ASSERPE
Sábado, dia 23 de março
09h
Auditório da FASP, Faculdade do Sertão do Pajeú
Rua Osvaldo Gouvêia, S/N, Afogados da Ingazeira
Informações: (81) 9-9761-8641/(87) 9-9606-3543

Cinco milhões de brasileiros já possuem a nova carteira de identidade

Cinco milhões de brasileiros já têm a nova Carteira de Identidade Nacional, a CIN. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Gestão e Inovação na tarde desta quinta-feira. Apesar de ser obrigatório para todos os brasileiros, o documento, anunciado em 2022, não precisa ser emitido imediatamente. Os cidadãos têm até 2032 para realizar a troca.

Segundo o Ministério da Gestão e Inovação, a nova carteira de identidade é emitida em 23 estados e no Distrito Federal. Uma das novidades da CIN, por exemplo, é ter o CPF como único número de identificação, uma maneira de reduzir chances de aplicação de golpes e evitar fraudes. Além disso, com um padrão nacional, é possível estruturar cadastros administrativos e ampliar as verificações de Segurança Pública.

Visando uma maior inclusão social, a nova carteira de identidade será impressa sem a designação de “sexo” ou diferenças entre “nome social” e “nome”.

Também será possível incluir outros documentos, como carteira nacional de habilitação, título de eleitor, certificado militar e carteira profissional, na versão digital da nova carteira.

Para emitir a CIN, o documento precisa ser solicitado nos institutos de identificação de cada estado e do Distrito Federal, a partir da política de cada unidade para emissão do documento. A Polícia Civil e Detran costumam ser escolhidos como os órgãos emissores.

Após receber o documento impresso, para adquirir a versão digital é só acessar o aplicativo do governo federal (Gov.Br).

Até o momento, a nova carteira de identidade é emitida em 23 estados e no Distrito Federal. São eles: Acre, Alagoas, Amazonas, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Polícia Federal prende Robinho em Santos

Caso Robinho - Pela decisão do STJ Robinho pode ser preso a qualquer momento para que cumpra pena na unidade prisional mais próxima de sua residência, em Santos (SP).  Ex-atacante Robinho durante partida da seleção brasileira. 27/06/2015. REUTERS/Andres Stapff
© REUTERS/Andres Stapff

Ex-jogador será levado para penitenciária

A Polícia Federal (PF) prendeu na noite desta quinta-feira (21) o ex-jogador Robson de Souza, conhecido como Robinho. De acordo com a polícia, o preso irá passar por exame no Instituto Médico Legal (IML), audiência de custódia e será levado para penitenciária.

O mandado de prisão foi expedido pela Quinta Vara da Justiça Federal em Santos.

Mais cedo, a presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Maria Thereza de Assis Moura, assinou a autorização para a Justiça Federal prender o ex-jogador. Para evitar a prisão, a defesa do ex-jogador entrou com um pedido de habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF), que foi negado hoje em decisão monocrática pelo ministro Luiz Fux.

Nessa quarta-feira (20), por 9 votos a 2, a Corte Especial do STJ decidiu que o ex-jogador deve cumprir no Brasil a pena de 9 anos de prisão por estupro. A sentença foi definida pela Justiça da Itália, onde o ex-jogador foi condenado em três instâncias por estupro, ocorrido dentro de uma boate de Milão, em 2013.

Agência Brasil

Câmara aprova fim da “saidinha”; projeto agora irá à sanção de Lula

Para alguns deputados da esquerda contra o projeto, o fim da saidinha irá gerar "uma explosão de violência" nos presídios  (foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
Para alguns deputados da esquerda contra o projeto, o fim da saidinha irá gerar “uma explosão de violência” nos presídios (foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

Proposta passou em votação simbólica e o presidente tem 15 dias para decidir se veta ou não a proposta

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (20), em votação simbólica, o fim da saída temporária de presos, a chamada “saidinha”. O texto é o mesmo que foi votado no Senado e seguirá agora para sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O relator do projeto foi o deputado Guilherme Derrite (PL-SP), que se licenciou da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo e retornou ao mandato para relatar a proposta. Ele afirmou que se Lula vetar a proposta, o presidente cometerá um “erro grotesco”.

“Será que o presidente terá coragem de vetar uma proposta votada com uma grande maioria, que irá derrubar o seu veto, e que tem apoio maciço da sociedade?”, disse Derrite ao Correio.

A votação do texto se deu entre vários discursos pró e contra a medida. O próprio autor do projeto, deputado Pedro Paulo (PSD-RJ), que o apresentou em 2011, fez discurso contra o que se tornou sua proposta original.

“O meu projeto original não previa a extinção da saidinha. Foi todo desfigurado. Estamos acabando com a possibilidade de ressocialização do preso. Por que apenas 5% dos presos que saíram no final do ano não voltaram ou cometeram algum crime não se pode punir todos os outros 95%”, disse Paulo.

Já Derrite afirmou que o projeto irá acabar com “cinco feriadões de uma semana” dos detentos que hoje têm direito à saída temporária.

Para alguns deputados da esquerda contra o projeto, caso do PSol, argumentaram que o fim da saidinha irá gerar “uma explosão de violência” nos presídios.

A proposta aprovada prevê exceção no caso de presos que saírem para estudar, como no caso do supletivo.

Confira as informações no Correio Braziliense.

Por: Evandro Éboli- Correio Braziliense

Dengue: Brasil se aproxima de 2 milhões de casos

Foto: Reprodução Reuters/Paulo Witaker

O enfrentamento à maior epidemia de dengue já registrada no Brasil até hoje vem de todos os lados: sociedade civil e poder público. A vacina é um importante aliado, mas por conta da pequena capacidade de produção do fabricante, está acessível apenas a um pequeno público: de 10 a 14 anos.

Segundo o Ministério da Saúde, todo estoque disponível de vacinas contra a dengue em 2024 e 2025 foi comprado. Ainda este ano serão entregues 5,2 milhões de doses, além de uma doação de 1,3 milhão de doses. O que deve permitir que 3,2 milhões de pessoas fiquem imunizadas com as duas doses que completam o esquema vacinal.

Até segunda-feira, 18 de março, 1.235.236 doses haviam sido distribuídas e, dessas, 436.149 aplicadas no público-alvo pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o que corresponde a 35,3%. Mas o combate ao mosquito ainda é o maior desafio e precisa continuar.

MG e DF na liderança dos casos de dengue

O estado de Minas Gerais lidera a lista com o maior número de registros da doença: 662.952 e 107 mortes confirmadas, mas a maior incidência está no DF, com 5.678 casos por 100 mil habitantes e 159.957 registros da doença.

Quem já pegou, não esquece. Como a brasiliense Ana Beatriz de Oliveira, de 22 anos. Ela já pegou dengue três vezes — as duas últimas, este ano, foram hemorrágicas. Ela conta que os sintomas foram piorando a cada reinfecção..

“As dores no corpo nas duas primeiras vezes não foram tão fortes como foram agora. Eu estava debilitada para andar, para comer, eu estava com uma dor no olho que mal conseguia abrir. Não conseguia movimentar a cabeça rápido porque ficava muito tonta. Não conseguia fazer praticamente nada.”

Com medo de mais uma infecção pela doença, ela conta que todos em casa mudaram os hábitos. “Hoje a gente usa tela de proteção nas janelas, olha cada cantinho da casa para ver se não tem criadouros do mosquito.”

Cuidados precisam ser mantidos

Evitar o agravamento da dengue só é possível com o diagnóstico precoce e correto — o que precisa ser feito por um médico, como explica o infectologista Marcelo Daher.

“O momento de hidratação, o momento de parar a hidratação. Medicamentos que podem e que não podem ser feitos. Então diagnóstico correto, procurando uma unidade de saúde para que seja notificado o caso e seja buscado o diagnóstico correto é muito importante. Não existe medicamento específico para a dengue, mas existem condutas corretas e a conduta correta salva vidas.”

O médico ainda complementa que crianças pequenas, gestantes e pessoas com comorbidades e doenças crônicas precisam estar atentos a qualquer sintoma e procurar imediatamente ajuda médica

Fonte: Brasil 61

Câmara aprova mudanças na reforma do ensino médio; entenda o que muda

A reforma do ensino médio foi sancionada em 2017 na gestão Michel Temer (MDB)

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, 20, o texto-base do projeto de lei que altera a reforma do ensino médio. O texto foi aprovado em votação simbólica (quando não há registro individual de voto) após acordo entre o relator da proposta, deputado Mendonça Filho (União-PE), e o governo a respeito da carga horária mínima para a formação geral básica. Depois de aprovados os destaques, o projeto deverá seguir para o Senado.

A reforma do ensino médio foi sancionada em 2017 na gestão Michel Temer (MDB). Esse novo formato flexibilizou o currículo da etapa, com a previsão de mais disciplinas optativas e oferta da educação técnica e profissional.

O ensino médio tem alta evasão e é um dos principais gargalos do ensino básico do País. A ideia era de que a reforma tornasse a etapa menos engessada, mais atrativa para o jovem e também conectada com as demandas do mercado.

Nos últimos anos, porém, estudantes e especialistas apontaram falhas na implementação do modelo e reivindicaram mudanças – parte pediu até a revogação – ao longo do ano passado. Diante da pressão, a gestão Luiz Inácio Lula da Silva (PT) decidiu fazer uma consulta pública e propor mudanças no formato ao Legislativo

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, 20, o texto-base do projeto de lei que altera a reforma do ensino médio. O texto foi aprovado em votação simbólica (quando não há registro individual de voto) após acordo entre o relator da proposta, deputado Mendonça Filho (União-PE), e o governo a respeito da carga horária mínima para a formação geral básica. Depois de aprovados os destaques, o projeto deverá seguir para o Senado.

A reforma do ensino médio foi sancionada em 2017 na gestão Michel Temer (MDB). Esse novo formato flexibilizou o currículo da etapa, com a previsão de mais disciplinas optativas e oferta da educação técnica e profissional.

O ensino médio tem alta evasão e é um dos principais gargalos do ensino básico do País. A ideia era de que a reforma tornasse a etapa menos engessada, mais atrativa para o jovem e também conectada com as demandas do mercado.

Leia mais

Justiça espanhola concede liberdade provisória a Daniel Alves

<i>(Foto: crédito: Foto reprodução instagram)</i>
Se pagar a fiança, Daniel Alves não pode sair da Espanha e deve comparecer semanalmente ao tribunal (Foto: crédito: Foto reprodução instagram)

Daniel foi condenado em 22 de fevereiro a 4 anos e seis meses de prisão por estupro. A agressão sexual foi cometida em dezembro de 2022, em Barcelona, na Espanha

A Justiça da Espanha concedeu, nesta quarta-feira (20/3), liberdade provisória ao ex-jogador Daniel Alves. Para sair da prisão, ele terá de pagar US$ 1 milhão. Daniel foi condenado em 22 de fevereiro a 4 anos e seis meses de prisão por estupro.

A agressão sexual foi cometida em dezembro de 2022, em Barcelona, na Espanha. A decisão ocorreu, segundo o jornal espanhol El Mundo, por maioria da Corte do Tribunal de Barcelona em voto privado.

Os magistrados concordaram que o jogador pode sair da prisão se pagar a fiança. Daniel também deverá ficar sem os passaportes, espanhol e brasileiro.

Além disso, o brasileiro não pode sair da Espanha e deve comparecer semanalmente ao tribunal.

As informações são do Correio Braziliense. 

Governo de Pernambuco vai contratar consultoria do Hospital Albert Einstein para reforçar gestão de grandes hospitais do Estado

Foto: Miva Filho/Secom SES-PE/Divulgação
Pernambuco vai contratar a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein para a prestação de serviço de consultoria na área de gestão. Nesta quarta-feira (20), foi publicado no Diário Oficial do Estado o termo que valida a contratação, que será assinada em breve. A consultoria vai atender a seis hospitais de alta complexidade sob administração direta da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco. A reestruturação da rede é um dos compromissos da gestão estadual, que já foi iniciada com obras em algumas unidades, como é o caso do Hospital da Restauração.
 
“Estamos trabalhando para garantir um melhor atendimento à população a partir de mudanças na gestão dos grandes hospitais do Estado. A Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein é um serviço de referência em gestão hospitalar no Brasil, já atuante em alguns estados e municípios brasileiros em parceria com a administração pública. Por isso, podemos garantir o avanço na governança dos equipamentos estaduais”, destacou a governadora Raquel Lyra.
Fotos: Miva Filho/Secom SES-PE/Divulgação
 
As unidades que serão atendidas através da consultoria com o Einstein são: Hospital Agamenon Magalhães, Hospital Barão de Lucena, Hospital da Restauração, Hospital Getúlio Vargas e Hospital Otávio de Freitas, localizados no Recife, e Hospital Regional do Agreste, situado em Caruaru. O objetivo da consultoria será prestar assessoria na implantação de ações de melhoria de processos assistenciais e de gestão, com a proposição e assessoramento na implantação de modelo de gestão logística e de suprimentos. Esse trabalho é destinado a promover qualidade e segurança dos serviços de saúde ofertados aos usuários do Sistema Único de Saúde no Estado.
 
“É muito importante trabalhar a governança dos hospitais de alta complexidade, que são um verdadeiro alicerce para a saúde do Estado. A consultoria terá como foco problemas históricos, que são a superlotação e o desabastecimento. Então, que a gente consiga, a partir da experiência e da capacidade reconhecida do Einstein nessa área de gestão hospitalar, realmente melhorar a governança dos hospitais, que se traduz em melhoria da assistência à população. Essa é mais uma ação de sustentabilidade na saúde do governo Raquel Lyra”, explicou a secretária de Saúde, Zilda Cavalcanti.
 
A contratação da Sociedade Einstein será realizada através de inexigibilidade de licitação, após uma avaliação iniciada ainda em 2023 que apontou a necessidade da consultoria. Uma série de análises foi feita por órgãos e secretarias competentes do Estado, com a participação da Secretaria de Saúde, da Secretaria de Administração e da Procuradoria Geral do Estado. A prestação de serviço será feita por um período de 24 meses e o valor da contratação é de R$ 23.207.720.
 
A partir da qualificação de serviços prestados, a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein será contratada pelo Governo do Estado. A escolha da empresa foi feita pelo alto nível de complexidade das intervenções necessárias com vista à qualificação da gestão e operacionalização da assistência nas seis unidades de alta complexidade. A sociedade é detentora de conhecimento em gestão e operacionalização das ações e serviços de saúde com corpo técnico formado por profissionais qualificados e experientes.

José Patriota propõe desconto em livros para profissionais da educação de Pernambuco

O deputado estadual José Patriota apresentou o Projeto de Lei Ordinária nº 1736/2024 na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) que visa aprimorar a Política Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Estado. Com o objetivo de garantir melhores condições aos profissionais da educação, o projeto propõe a inclusão de dispositivos que assegurem descontos de pelo menos 15% em obras literárias e materiais didáticos relacionados à área de ensino e atuação profissional dos mesmos.

Ao comentar sobre a iniciativa, Patriota ressaltou: “É fundamental promover o acesso à cultura e à educação, especialmente entre os profissionais que são responsáveis por transmitir conhecimento às gerações futuras. Este projeto é mais um passo na busca por uma educação de qualidade e pelo desenvolvimento integral de nossos estudantes.”

Alinhada com os princípios constitucionais de garantia de acesso à cultura e educação, a proposta visa contribuir para a melhoria da qualidade da educação em Pernambuco, incentivando a formação e o aperfeiçoamento dos profissionais do magistério.

O Projeto de Lei seguirá os trâmites da Casa, passando pelas comissões para análise, e posteriormente será submetido à aprovação em plenário.

Mais uma pesquisa comprova desaprovação recorde de Raquel: 61%

Pesquisa contratada pela TV Guararapes, divulgada, há pouco, aponta o que outros institutos já haviam constatado: a altíssima desaprovação da gestão da governadora Raquel Lyra (PSDB): 61% de ruim e péssimo. De acordo com o levantamento, feito pelo RealTime Big Data, a tucana é aprovada por apenas 35% dos entrevistados.

Já a gestão do prefeito do Recife, João Campos (PSB), é aprovada por 82% e desaprovada por 17%.